MÊS DA MULHER

ONG capacita mulheres em ofícios de corte, costura e bordado

Orientavida fez parte de um projeto juntamente com a Disney

Por: Vanessa Rabello
08/03/2021 - São Paulo

ong

Uma ONG que nasceu há 21 anos voltada para mulheres e mães que são líderes de famílias. Essa é a Orientavida, fundada por Maria Celeste de Castro Chad em Potim, interior de São Paulo.


A cidade, que era um bairro rural de Guaratinguetá, foi emancipada em 1992, crescendo desordenadamente e deixando a população mais vulnerável, foi então que Maria Celeste criou a Orientavida.


Voltada para mulheres entre 25 e 59 anos de baixa escolaridade e pouca experiência profissional e que são líderes da família, a instituição desenvolve ações de assistência social, cultural e educativa em prol da comunidade e, em 1999, foi criado o projeto “Geração de Renda”, que tem como intuito capacitar, profissionalizar, inserir e manter as mulheres no mercado de trabalho por meio do artesanato.


thumb-1
inauguração_galpão
thumb-1
MG_9100
thumb-1
Liberty_Lilas
thumb-1
198130_455009467868366_756761743_n


Em 2008, a Orientavida fez parte de um projeto juntamente com a Disney para a coleção da Alice no País das Maravilhas. “A designer Ana Strumpf foi convidada para fazer uma coleção para Disney e, antes mesmo de aceitar, procurou a diretora da ONG para saber se topava entrar neste desafio com ela. Ela criava e a ONG Orientavida produzia, aceitamos na hora e amamos!”, conta a fundadora.


Além disso, a instituição tem parcerias com as empresas de moda Les Lis Blanc e Daslu, que, segundo Maria Celeste, foi uma escola para a ONG.


Desde 2009, a Orientavida faz a Campanha Pense Rosa, que busca alertar as mulheres sobre a necessidade de prevenção ao câncer de mama e, que isso é possível através da realização do exame de mamografias. “Temos a patente no Brasil. E, junto a nós já se somam grandes parceiros como: Bauducco, Grendha, Linea”, relata.


Antes da pandemia, a ONG também contava com um trabalho no Presídio de Tremenbé, que foi suspenso no ano passado. O trabalho era feito com 120 pessoas, mas ainda não há perspectiva de volta.


Anualmente, cerca de 300 famílias são atendidas pela ONG, e já foram capacitadas mais de 1,150 mulheres em ofícios de corte, costura e bordado. Em 2019, a Orientavida se tornou a única organização social licenciada pela NBC Universal.


Leia mais: Mulheres no cinema: Conheça 6 filmes sobre histórias inspiradoras

Veja também

Home office dias das mães
MÊS DAS MÃES

Maternidade, home office e as aulas online dos filhos: saiba como lidar com o novo normal

Vanessa Galvani dá dicas de como tornar esse momento menos estressante

09/05/2021 - São Paulo

artistas plásticos
CULTURA & ENTRETENIMENTO

Conheça a história dos artistas plásticos mais influentes do Brasil

Anita Malfatti e Tarsila do Amaral são alguns dos destaques

08/05/2021 - São Paulo

plasma covid-19
CORONAVÍRUS

Plasma após Covid-19: doar para combater a pandemia

Taxa de internação caiu em 30% em pacientes que receberam os anticorpos

07/05/2021 - São Paulo