WELLNESS

Entenda como comer demais em dias frios se torna prejudicial à saúde

O refluxo, se não tratado, pode avançar para problemas mais sérios

Por: Larissa Martin
13/07/2021 - São Paulo

Entenda como comer demais em dias frios se torna prejudicial a saúde

No período de maior frio no país, durante os meses de junho a meados de setembro, é comum que as pessoas adquirem os hábitos de comer mais do que o necessário. Isso acontece porque nos dias mais frios, o nosso corpo precisa se manter aquecido e, com isso, acaba gastando mais energia. Ou seja, quando aumentamos as necessidades energéticas, acabamos sentindo mais fome também. 


No entanto, comer demais pode ser prejudicial para a saúde, sobretudo causando refluxo, que nada mais é a volta da secreção gástrica, o conteúdo que fica dentro do estômago, que é uma secreção ácida para o esôfago. Segundo o gastrocirurgião e endoscopista Eduardo Grecco, esse retorno da secreção pode acontecer por vários fatores. "Geralmente está associado ao comportamento alimentar. A forma que a pessoa se alimenta e mastiga o alimento. São, normalmente, pessoas ansiosas, com má mastigação e que estão, às vezes, com excesso de peso", conta. 


Entre os principais sintomas, os mais comuns são azia, queimação e dor no meio do peito, podendo evoluir para um quadro de tosse. "Para quem possui esses sintomas, é preciso tratamento e a primeira coisa que deve ser feita é procurar um médico e tomar muito cuidado com a automedicação", explica o doutor. 


"A pessoa que tem refluxo precisa tratar porque, em longo prazo, se não for examinada, pode virar uma Esofagite, que é uma inflamação do esôfago. E, pior, se a Esofagite não for tratada, torna-se um quadro de formação de ulceras e o surgimento de uma doença que chamamos de Esôfago de Barrett", conta. Alguns alimentos contribuem para o refluxo, como café, chocolate, álcool, embutidos, alimentos gordurosos e excesso de refrigerante. A melhor forma de descobrir, no entanto, o quadro de refluxo, é a investigação. 


"O diagnóstico é feito através de uma endoscopia, e de dois exames que estudam o esôfago, que se chamam manometria e phmetria. A partir deles também identifica se a pessoa possui outra causa mais importante, não somente o fator alimentar". Para o médico, o fundamental do tratamento do refluxo é a parte nutricional e comportamental, evitando inclusive o fumo, que é extremamente prejudicial aos que têm refluxo. "O ideal é buscar uma alimentação saudável, a cada 3 horas, realizar uma boa mastigação e a alimentação noturna precisa ser a mais leve", explica. 

Veja também

Ideia surgiu após fã mirim reconhecê-lo como “O Menino Sol”
CULTURA & ENTRETENIMENTO

Cantor Vitor Kley lança projeto musical voltado ao público infantil

Ideia surgiu após fã mirim reconhecê-lo como “O Menino Sol”

17/09/2021 - São Paulo

Theatro Municipal faz 110 anos com programação especial
CULTURA & ENTRETENIMENTO

Theatro Municipal faz 110 anos com programação especial

Entre os destaques, está o espetáculo-percurso “Fantasmagoria"

17/09/2021 - São Paulo

Altitude Park estreia no Shopping Parque da Cidade
CULTURA & ENTRETENIMENTO

São Paulo Para Crianças: Altitude Park estreia no Shopping Parque da Cidade

É a quinta unidade do parque no estado e a terceira na capital

17/09/2021 - São Paulo