SITE OFICIAL

https://www.thebeatles.com/


REDES SOCIAIS


BIOGRAFIA

 

Integrantes: John Lennon, Paul McCartney, George Harrison, Pete Best, Stu Stucliffe, Ringo Starr

Origem: Liverpool, Merseyside

País: Inglaterra, Reino Unido

Gênero (s): rock, pop, psicodélico, folk, merseybeat, britpop

Nos anos que seguiram após a Segunda Guerra, os jovens tinham poucas opções para curtir no rádio. Naquele momento crucial, John Lennon, Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr apareceriam para quebrar as regras do pop mundial. Nos anos 1950, é verdade, os astros populares ainda eram nomes como Ella Fitzgerald, Frank Sinatra e Dean Martin, além de grupos de jazz tradicional. Mas quando um certo Elvis Aaron Presley surgiu na cidadezinha de Tupelo, tudo isso parecia ter ficado para trás. A combinação do rock elétrico com as bandas de skiffle (uma espécie de folk pop britânico) motivou os jovens de Liverpool a montarem seus próprios grupos. Um desses era o The Quarrymen.

Em 6 de julho de 1957, viria o encontro histórico entre Lennon & McCartney proporcionado por um amigo em comum, Ivan Vaughan. A parceria logo mudaria o rumo da música. Meses depois, Paul se uniria à banda liderada por John, e traria o hábil guitarrista George Harrison para reforçar o trio de guitarras acústicas. Entre idas e vindas, os garotos de Liverpool começavam a moldar a banda, que ganharia uma série de nomes antes de se firmar como The Beatles.

De quinteto a quarteto (o baixista original, Stu Sutcliffe, preferiu viver em Hamburgo, onde infelizmente viria a falecer) o grupo chegaria até seu primeiro contrato com a gravadora EMI, propiciado pelo empresário Brian Epstein, dono de lojas de discos em Liverpool. Seria a grande chance, após serem dispensados pela Decca. Ao gravarem o single “Love Me Do” em 1962, já com Paul no baixo, o produtor George Martin achou que o ponto fraco seria o baterista Pete Best. A troca seria quase imediata, mas não sem uma pequena confusão. Antes dos Beatles convocarem o amigo Ringo Starr, Martin já havia chamado o músico de estúdio Andy White para as sessões de Please Please Me (1963).

No final, Ringo entraria para banda e se tornaria peça vital de sua engrenagem. Com a chegada do grupo nos EUA em fevereiro de 1964, os Beatles começaram a conquistar o mundo. O single “I Wanna Hold Your Hand” abriu os portões na América, e a apresentação no Ed Sullivan Show em 9/2/1964 entrou para a história da TV. Em seguida, viriam os dois filmes A Hard Day’s Night e Help! (1965), que trariam ideias novas aos videoclipes como conhecemos hoje.

Após Rubber Soul (1965) e Revolver (1966), os Beatles decidiram que não sairiam mais em turnês, preferindo se dedicar ao estúdio. O último show ao vivo em frente a um público pagante aconteceria em 29 de agosto de 1966, no Candlestick Park. A partir dai, viria a revolução com Sgt. Pepper’s Lonely Hearts Club Band e o single “Strawberry Fields Forever”, todos de 1967. Com a morte do empresário Brian Epstein, o grupo se encontrou dividido entre o estúdio e os negócios. O filme Magical Mystery Tour seria o primeiro projeto criticado pela imprensa.

Mais uma mutação aconteceria com o álbum duplo The Beatles, de 1968 e o single “Hey Jude”, a maior parte composta após a viagem à Índia. Em 1969, a banda já estava desgastada e os problemas gerados com o novo empresário Allen Klein foram a gota d’água. Depois de engavetarem o disco e o filme Let It Be, George Martin tentou reanimar o grupo, produzindo Abbey Road, lançado em setembro. O sucesso comercial não impediu o desejo de Lennon de deixar o grupo, mas o anúncio só aconteceria em maio de 1970, após a chegada às lojas de Let It Be e do primeiro álbum solo de Paul McCartney, McCartney.

Curiosidades: Os Beatles – ou melhor – Paul, George e Ringo – retomaram a parceria em 1995 para o projeto Anthology, onde colocaram instrumentos e novos vocais em fitas antigas de John Lennon. Dois singles foram lançados; “Free as a Bird” e Real Love”. A partir de 2017, duas caixas lançadas pela Apple Records, contendo raridades, resgataram os bastidores de gravação dos álbuns revolucionários Sgt. Pepper’s e The Beatles (conhecido como Álbum Branco), trazendo mais de 100 faixas inéditas.

MAIS ARTISTAS

Todos os artistas

r